Dica Referencial - O frio para os Cavalos


O frio para os CavalosAssim como no dia-a-dia as pessoas se dividem entre aquelas que detestam o frio e aquelas que não suportam o calor. A favor da estação fria temos os dia lindos para longas cavalgadas e a quase ausência das moscas e mosquitos que tanto atormentam.

Gostemos ou não o inverno é uma realidade e temos que aproveitar esta temporada da melhor maneira possivel.Na verdade toda estação do ano tem seus encantamentos, com algumas estratégias e preparativos,nossos cavalos atravessarão o inverno prontos para receberem a primavera com saúde e vigor.

A zona de conforto térmico do cavalo é inferior à do ser humano, em razão do seu grande volume corporal,o qual gera maior calor,ou seja,uma temperatura que já percebemos fria é provavelmente sentida como agradável pelos cavalos.Se permitirmos ao cavalo adquirir e manter seu pêlo de inverno natural,ele não sentirá frio solto no campo.

É possível analisar o conforto térmico do cavalo pelas orelhas.Se estas estiverem excessivamente frias,o animal pode estar com frio e é também pelas orelhas que o animal começa a transpirar,o que pode ser um ótimo meio de controle.

Os cavalos fragilizados estão sempre mais suscetíveis aos problemas causados pelo frio, os muito velhos,os muito jovens,os debilitados por alguma doença recente, nestas circunstâncias,um quadro simples pode evoluir facilmente para um quadro grave, o melhor método para acompanhar a saúde de seu animal é simplesmente vigiar o apetite uma alimentação de boa qualidade com ração concentrada e principalmente o fornecimento continuado de volumoso.

Para o cavalo atleta,sob treinamento intenso e submetido a manejo de cocheira,não conseguirá manter seu desempenho ideal se deixado ao relento durante o período de frio intenso, pois para cavalos tosquiados ou com pêlo ralo de escova precisamos utilizar a capa desde o inicio do tempo frio,prevenindo assim que o cavalo desenvolva a pelagem de inverno.

O aquecimento antes do trabalho deve ser progressivo e lento,assim, além de um rendimento melhor no trabalho proposto será evitado uma série de problemas musculares, tais como , distenções e contraturas musculares. Quanto ao resfriamento no frio intenso, deve ser evitado duchas longas e completas , sempre tendo muita atenção para colocar a capa no animal seco, evitando com isso os fungos oportunistas.


Fonte: Referencial C.E